Uncategorized

Defesa Civil credencia caminhões-pipa para reforçar distribuição de água em MG

Defesa Civil MG
Cedec instalou aparelhos GPS nos veículos credenciados para assegurar o abastecimento (Foto: Cedec/Divulgação)

O Governo de Minas informou nesta quinta-feira (3) o credenciamento de 249 novos pipeiros para a distribuição de água potável para consumo aos moradores do Vale do Jequitinhonha e Norte do estado. As cidades beneficiadas são: Araçuaí, Cachoeira do Pajeú, Divisa Alegre, Francisco Badaró, Jenipapo de Minas, José Gonçalves de Minas, Leme do Prado, Medina, Minas Novas, Novo Cruzeiro, Padre Carvalho, Pedra Azul, Berizal, Indaiabira, Ninheira, Santa Cruz de Salinas, Santo Antonio do Retiro, São João do Paraíso, Taiobeiras, Vargem Grande do Rio Pardo, Bocaiuva, Botumirim, Capitão Enéas, Francisco Dumont, Glaucilândia, Grão Mogol, Icaraí de Minas, Itacambira, Itacarambi, Janaúba, Japonvar, Juramento, Juvenília, Lassance, Luislândia, Matias Cardoso, Mirabela, Olhos D’água, Pai Pedro, Patis, Pirapora, Porteirinha, Riacho dos Machados, Várzea da Palma, Verdelândia, Varzelândia, Montezuma, Jequitaí, Gameleiras, Turmalina, Guaraciama, Pedras de Maria da Cruz e Montalvânia. 
Segundo a Defesa Civil, a expectativa é que a operação emergencial leve água potável para mais de 900 localidades atingidas. “Cada rota vai ser atendida por um pipeiro credenciado. Para os trajetos que tiveram mais de um candidato elegível, foi realizado um sorteio para definir quem seria o eleito para a função. Após a seleção, foram confeccionados os contratos com os proprietários que tiveram os caminhões-pipas vistoriados e aprovados conforme requisitos previstos no edital de credenciamento, publicado no Diário Oficial do Estado no dia 7 de agosto”, esclarece o capitão Marcone Duarte, diretor administrativo da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (Cedec).
Os primeiros contratos foram publicados no Diário Oficial em 27 de agosto e, atualmente, todos os pipeiros já estão em condições de iniciar a distribuição da água potável para as regiões atingidas pela seca ou estiagem.

Com informações da “Agência Minas”.

Para o Topo
error: Content is protected !!