Uncategorized

Polícia Civil prende quadrilha especializada em roubo de cargas na capital

Polícia Civil prende quadrilha especializada em roubo de cargas na capital
Durante a ação, foram presos seis integrantes de uma organização criminosa de roubo e receptação de cargas (Foto: PCMG)

Uma operação realizada pela equipe da 6ª Delegacia Especializada em Repressão ao Crime Organizado/Roubo de Cargas (Deroc), da Divisão Especializada de Operações Especiais (Deoesp), resultou na prisão de seis integrantes de uma organização criminosa de roubo e receptação de cargas, que atuava em Belo Horizonte.
Denominada “Veneza”, a operação tem por objetivo desarticular grupos criminosos especializados em roubos a cargas de menor valor na capital. Foram presos Michael Garcia Dias, Paulo César Martins de Oliveira (conhecido como PC), Guilherme Policarpo da Silva Resende, Celiton Luiz dos Reis, Aníbal Batista Júnior (o Juninho) e Lucas Almeida Varges (Luquinha).
Conforme o delegado Hugo Arruda, que coordenou as investigações, o grupo é responsável por pelo menos 30 roubos de cargas, todos executados com arma de fogo e privação da liberdade das vítimas. “Os suspeitos responderão por roubos majorados pelo emprego de arma de fogo, concurso de agentes e restrição da liberdade da vítima”, explicou.

Prisões

Michael e Guilherme foram presos em flagrante, no dia 23 de setembro, durante uma tentativa de roubo de cargas de alimentos e bebidas de Belo Horizonte. Já Paulo César, Cleiton e Aníbal foram detidos pela polícia conduzindo um caminhão roubado com carga de bebidas, no dia 19 de outubro.
“Michael, Paulo César, Guilherme e Cleiton também estavam com mandados de prisão em aberto e Cleiton encontrava-se com mandado de recaptura”, destacou o delegado. Ainda segundo Arruda, todos os presos possuem registros policiais.
Durante a operação, foram recuperados parte dos produtos roubados, uma arma de fogo, munição e um veículo roubado com sinal de identificação adulterado.
Cleiton, Lucas e Paulo César foram encaminhados ao Presídio Antônio Dutra Ladeira, em Ribeirão das Neves. Guilherme está recolhido no Presídio São Joaquim de Bicas 1 e Michael no  Presídio Inspetor Jose Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves. Já Aníbal, está em liberdade provisória desde o dia 24 de outubro.
Para o Topo
error: Content is protected !!