Uncategorized

Eduardo Azeredo é condenado a 20 anos de prisão por crimes no mensalão tucano

Justiça condena Azeredo a 20 anos de prisão por mensalão tucano
O ex-deputado federal pelo PSDB se disse surpreso “pois não há prova alguma” (Foto: Divulgação)

O ex-deputado federal Eduardo Azeredo foi condenado pela Justiça Federal de Minas Gerais pelos crimes de peculato e lavagem de dinheiro a 20 anos e 10 meses de prisão, em regime inicialmente fechado. A sentença foi proferida nesta quarta-feira (16) pela juíza da 9ª Vara Criminal de Belo Horizonte, Melissa Pinheiro Costa Lage. Da decisão cabe recurso e ele pode recorrer em liberdade.

Azeredo foi condenado por crimes cometidos durante a campanha eleitoral pela sua reeleição ao governo de Minas Gerais, em 1998.

Eduardo Azeredo foi condenado por sete crimes de peculato – que é o desvio de bens praticado contra a administração pública por servidor público– e seis crimes de lavagem de dinheiro. O ex-senador também foi condenado ao pagamento de 1,4 mil dias-multa cujo valor, segundo o Fórum Lafayette, de Belo Horizonte, foi fixado em um salário mínimo vigente em 1998.

Com informações do “G1”.

Para o Topo
error: Content is protected !!