Uncategorized

Socorro a vítima é prejudicado por falta de ambulância em Medina, MG

Moradores reclamam de onda de roubos em área rural de Medina (MG)
Homem foi baleado em assalto (Foto: Reprodução)
Um homem teve o socorro prejudicado após sofrer um assalto a mão armada, na noite desta quarta-feira (9), na zona rural do município de Medina, no Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais. A cidade não possui o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).
De acordo com informações de uma testemunha, que não quis ser identificada, o crime aconteceu por volta das 19h, quando os meliantes abordaram a vítima, identificado como Adalberto Ornelas, de aproximadamente 50 anos, o balearam, e em seguida, roubaram a moto dele.
Após o crime, a vítima foi conduzida, ao Hospital Santa Rita, mas devido ao seu grave estado de saúde, precisou ser transferido para outra unidade hospitalar mais bem aparelhada. Segundo familiares, ao entrar em contato com a Secretaria de Saúde, foram informados que não havia nenhuma ambulância disponível. 
Devido a falta de veículo, o homem foi conduzido, horas depois, em uma ambulância cedida pela cidade vizinha de Divisa Alegre, até Vitória da Conquista, no Sudoeste da Bahia, distante cerca de 184 Km.

Medo no campo

Moradores de áreas rurais de Medina, reclamam da insegurança. Segundo eles, o aumento de roubos, principalmente de motocicletas tem assustado. Eles cobram ainda mais patrulhamento da Polícia Militar.
Para o Topo
error: Content is protected !!