Uncategorized

Polícia Civil ganha 34 novos legistas em diversas cidades de Minas Gerais

Designação dos 34 novos legistas da Polícia Civil fortalece serviço médico-legal no Estado
A designação dos 34 novos médicos-legistas, ocorreu nesta quarta-feira (Foto: Divulgação/PCMG)

A designação dos 34 novos médicos-legistas, nomeados sábado (12/3), ocorreu quarta-feira (16/03), no auditório do Instituto Médico Legal (IML), observando os critérios pré-definidos pelo edital do concurso e as prioridades para fortalecimento do serviço médico legal em 19 municípios do interior de Minas Gerais. Especialmente, os municípios de Guanhães, Guaxupé e Nanuque agora passam a contar com o atendimento médico legal. A decisão confirma o compromisso da Polícia Civil de Minas Gerais com a expansão do atendimento à população do Estado e com a desconcentração da gestão com autonomia dos departamentos de polícia.
“Além de contemplar a diretriz da Chefia da Polícia Civil, que recomenda a desconcentração da gestão, procuramos atender às necessidades dos novos servidores de forma humana e respeitosa”, esses foram os critérios adotados para designação, apontados pelo Superintendente de Polícia Técnico Científica (SPTC), André Roquette.
A diretora do IML, Lena Lapertosa, explica a importância do médico-legista para a sociedade, pois “é ele quem realiza exames em cadáveres e em vivos, para subsidiar a determinação da causa mortis ou da natureza de lesões, no âmbito da investigação criminal”. Ainda acrescenta que “cabe a eles as análises pertinentes à identificação antropológica, diagnosticar a situação de pessoa sob efeito de qualquer substância, avaliar o estado psíquico e psiquiátrico de indivíduos e gerenciar as unidades periciais sob sua responsabilidade”.
A diretora aproveitou o encontro com os novos legistas para motivá-los: “Assim como vocês foram incansáveis na batalha de vocês por essa nomeação, desejo que sejam também incansáveis no exercício da medicina legal.
Além do Superintendente e da Diretora do IML, também estiveram presentes outros representantes da Polícia Civil, como o Chefe Adjunto, delegado-geral João Octacílio Neto, o Chefe de Gabinete, delegado-geral Bruno Tasca, a Assessora Institucional, delegada-geral Cristina Lima e o Assessor da Chefia, delegado Paulo Saback.
A Polícia Civil divulgará nos próximos dias, a data e o local para designação dos 95 peritos criminais também nomeados. Com a ampliação do quadro de funcionários, os novos profissionais vão assegurar maior rapidez na produção de provas objetivas para o inquérito policial, contribuindo para a eficácia e qualidade das investigações policiais.

Municípios

Os municípios atendidos com essa designação são Alfenas, Almenara, Araguari, Araxá, Capelinha, Caratinga, Frutal, Governador Valadares, Guanhães, Guaxupé, Januária, Manhuaçu, Nanuque, Passos, Patos de Minas, Pedra azul, Pirapora, Pouso Alegre e Uberlândia.
Outros municípios também foram contemplados por meio do edital de remoção, entre eles Bom Despacho, Curvelo, Ipatinga, Lavras, Leopoldina, Nova Serrana, Ouro Preto, Pará de Minas, Pouso Alegre, Sabará, São João Del Rei, Uberaba e Vespasiano.
A Chefia da Polícia Civil já encaminhou ofício à Secretaria de Estado de Planejamento, solicitando prorrogação da validade do concurso por mais dois anos. A medida, sendo atendida, possibilita futura nomeação de outros médicos-legistas e que mais munícipios sejam atendidos.

Responsabilidade

A nova médica-legista, Verônica Bertolini, de 29 anos, foi designada para Araxá. No início das atividades, Verônica dirigiu, em nome dos colegas, algumas palavras em agradecimento ao empenho do Conselho Superior da Polícia Civil. Ela pretende dedicar-se à profissão com “toda a responsabilidade, comprometimento, utilizando a prática da perícia médico-legal, ajudando as famílias a terem uma resposta para suas dores”.
Outro legista, Yuri Diniz Debs, de 44 anos, foi designado para Araguari, cidade onde nasceu e vive atualmente. “Não tenho como ficar mais satisfeito. É uma oportunidade de servir a comunidade que me criou”, comemora o legista.
Para o Topo
error: Content is protected !!