Uncategorized

Vereador suspeito de mandar matar prefeito de Ouro Verde de Minas é preso

Prefeito de Ouro Verde de Minas é baleado
Geraldo José Luiz Lima (Foto: Divulgação/TRE)
Os esforços conjuntos da Polícia Civil em Belo Horizonte e Teófilo Otoni resultaram na prisão, na manhã desta quinta-feira (10), do vereador de Ouro Verde de Minas, no Vale do Jequitinhonha, Zilmar Moisés dos Santos, de 38 anos. Ele é apontado como principal suspeito de ser o mandante da tentativa de homicídio contra o atual prefeito da cidade, Geraldo José Luiz Lima, de 52 anos. O crime ocorreu no dia 02 de maio do ano passado, na fazenda do pai da vítima.
Conforme consta nas investigações, dois homens teriam chegado de moto, na propriedade da família, procurando pelo prefeito. Ainda na porteira da fazenda, quando a vítima se aproximou, os homens sacaram as armas e começaram a atirar. Geraldo tentou correr, mas foi atingido por diversos disparos, sendo um deles na cabeça, quando já estava caído no chão. A vítima foi internada em estado grave, mas sobreviveu.
Segundo o delegado Felipe Forjaz, responsável pelo inquérito policial, “as investigações continuam para apuração da participação de outros possíveis mandantes, assim como para identificação dos executores do crime”.
De acordo com levantamentos, vítima e suspeito já tinham um histórico de desavenças políticas na cidade. Durante as investigações, a polícia teve conhecimento de que o suspeito havia procurado executores para cometer o crime.
“A integração de esforços da Polícia Civil do Estado, com a utilização de recursos tecnológicos para apuração, foi fator determinante para o desenvolvimento das investigações”, reforça o chefe do Departamento de Investigação de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Luiz Flávio Cortat.
Para o Topo
error: Content is protected !!