Política e conflitos

Por 7 votos a 6 Câmara de Capelinha rejeita projeto do mototáxi

Foto: Divulgação/Prefeitura de Capelinha

Por 7 votos a 6, a Câmara de Capelinha (MG) rejeitou o projeto de criação do serviço de mototáxi no município. A votação ocorreu durante reunião extraordinária na noite desta quinta-feira, 20 de abril. Confira como votou cada vereador:

Favoráveis

– Tozão

– Ci Mecânico

– Cleuber Luiz

– Gilmar Santos

– Avenir

– Santo Capeta

Contra

– João Maracujá

– Wilson Coelho

– Lú do Piedade

– Ci da Farmácia

– Lé Neves

– João Dodó

– Gedalvo Fernandes

O Projeto de Lei foi protocolado na Câmara na quarta-feira, 25 de janeiro, data da primeira reunião da legislatura 2017-2020. Mas como não foi aprovado, a licitação não pode ser executada pela prefeitura.

À época, o prefeito Tadeuzinho disse confiar na parceria do Poder Legislativo para atender a o anseio dos capelinhenses: “Sei que os vereadores têm a mesma intenção que eu, que é de trabalhar em prol do povo da nossa cidade. O Executivo e o Legislativo, tenho certeza, vão atuar juntos pelo município. Confio que este projeto será aprovado”, ressalta.

De acordo com a prefeitura, se caso o projeto tivesse sido aprovado, seriam disponibilizadas 7 licenças de funcionamento de mototáxi. Isso levando em conta o número de habitantes [cerca de 40 mil].

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top